M0N0

Páginas de direita tiveram mais posts e compartilhamentos sobre polêmica do turbante no Facebook

Arquivado em Internet | tags: polêmica do turbante, redes sociais, jornalismo, internet | Compartilhe


Gráfico principal

Descrição

A “polêmica do turbante” que tomou as redes sociais no Brasil em fevereiro produziu muitos posts, muitos compartilhamentos, muitos pontos de vista. Mas não conseguiu encerrar a polarização nas conversas no Facebook.

Segundo levantamento do Burgos Media Watch, os 70 posts com mais compartilhamentos foram majoritariamente de direita e predominantemente contra a noção de “apropriação cultural” indevida pela jovem que diz ter sido repreendida por usar uma indumentária de tradição negra.

O jornalista Pedro Burgos classificou cada um dos 70 posts de acordo com três posicionamentos: 1. posição contrária à ideia de “apropriação cultural” indevida pela menina 2. posição neutra sobre o assunto, ou seja, apenas noticiada 3. posição favorável à ideia de que a menina se apropiou indevidamente da cultura alheia.

  centro direta esquerda total
contra 9 33 1 44
favorável 2 0 13 15
neutro 3 1 7 10


Eu desconsiderei aqui comentários e reações (likes e outros) por conta da natureza indecisiva desse tipo de interação, ao passo que compartilhamento indica, se não necessariamente um endosso do tema tratado, pelo menos uma forma de estimular o debate dentro da rede de um usuário de redes sociais.

página orientação nº de posts
MBL direita 11
O Reacionário direita 5
HuffPost Brasil esquerda 4
Intercept Brasil esquerda 4
Socialista de iPhone direita 3
Carta Capital esquerda 3
Mídia Ninja esquerda 3
UOL centro 3
O Implicante direita 3
Fora Foro de SP direita 3

Referências